LinkedInEmailPrint

Ele foi identificado como o bandido que baleou um Policial Rodoviário durante uma tentativa de assalto.

Heygo Henrique Silva Clem, conhecido como “Galego”, estava sendo monitorado pela polícia quando no início da tarde desta terça-feira (27), enquanto dirigia um dos veículos roubados, percebeu que estava sendo seguido e tentou fugir.

Durante a perseguição, na Avenida da Integração, nas proximidades do antigo posto Canãa, o veículo conduzido pelo acusado bateu na lateral de uma Hilux. O acusado saiu de dentro do veículo e correu para dentro do matagal, ao mesmo tempo que ativara contra os agentes. Policiais da 77 e 78Cimp, Polícia Rodoviária Federal – PRE, Agentes da Polícia Civil do NTE, GATE e Delegacia de Furtos e Roubos fecharam o cerco.

Depois de duas horas de buscas no matagal a equipe do Gate foi surpreendida pelo criminoso que atirou. Na troca de tiros Heygo foi baleado. Ele foi socorrido pelos policiais e levado para o Hospital de Base, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Segundo a polícia, Heygo era o líder de uma quadrilha especializada em roubos de carros e caminhões que agia em Vitória da Conquista, Planalto, Poções, Caraíbas, Encruzilhada e região. O bando também era coordenado pela irmã de Heygo, Cristiane Clem, a qual dava ordens de dentro do presídio de Jequié, onde cumpre pena.

Investigações apontaram que Heygo é o autor dos disparos que atingiram um Policial Rodoviário Federal na Avenida Arthur Seixas, durante uma tentativa de assalto no dia 06 de novembro. Ele também trocou tiros com uma guarnição do Peto da cidade de Poções, durante uma perseguição. Porém conseguiu fugir.

Policial Rodoviário é baleado em assalto na Avenida Artur Seixas

LinkedInEmailPrint