Destaque Saúde

Hospital de Base recebe doações de protetores faciais que poderão ser usadas no combate à Covid-19

Compartilhe essa postagem com outras pessoas...

O Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) recebeu doações de 100 protetores faciais que podem ser usados no trato de pacientes com suspeitas ou diagnosticado com Coronavírus.

O protetor facial é uma espécie de máscara que cobre o rosto de forma ampla. Se trata de um Equipamento de Proteção Individual (EPI), que está sendo confeccionado e distribuído pelo Projeto 3DMaskMakers, uma iniciativa que surgiu a partir de um grupo de pessoas que queriam entrar em cooperação mútua no combate à Covid-19.

De acordo com a Enfermeira que atua Núcleo Hospitalar de Epidemiologia (NHE) do HGVC, Clara Mendes, “O protetor facial tem vantagem sobre o óculos uma vez que, sua área de proteção é maior, protegendo toda a face do profissional inclusive a área externa da máscara N95.” ainda de acordo com Clara Mendes o protetor facial é um EPI que não tem prazo de uso, sua eficácia dura enquanto houver integridade do material, claro que a higienização deve ser feita de acordo com os protocolos da Unidade.

O Projeto 3DMaskMakers produz entre 40 e 60 protetores faciais por dia, se tratando de uma iniciativa sem fins lucrativos. Todo o valor arrecadado com doações será destinado para a produção dos EPIs, que serão doados para hospitais e unidades de saúde na região de Vitória da Conquista.

As doações seguem a fila de inscrição do formulário, que e passa pela análise de uma equipe, composta pela Infectologista Carolina Palmeira, médica que compõe o Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) do HGVC, além de outros voluntários do projeto, que definem a quantidade a ser doada para cada unidade de saúde que faz a solicitação do EPI. Alguns dos critérios utilizados por essa equipe para definir as quantidades de protetores doados para cada unidade de saúde são: Papel no planejamento estratégico para Covid-19, se o local possui UTI e se realiza procedimento gerador de aerossol como entubação.

Para além de Empresários, o grupo é formado por Mestres e Doutores em Engenharia Elétrica e da Computação, bem como por um Interno de Medicina da UFBA/IMS, Estudantes de Engenharia do IFBA e FAINOR, uma estudante de Psicologia da UFBA/IMS e uma estudante de Jornalismo da UESB.

Para conhecer mais o Projeto e obter informações acerca das doações, acesse a página no Instagram do 3DMaskMakers.

Ascom HGVC

  • mginformatica1
  • Tecno_provisóriook
  • manoelimportadosred

Banner Seu Menu (NÃO APAGAR)

banner-seumenu-blitz