Brasil e Mundo

Consignado: maior limite traz risco de endividamento

Associações de defesa do consumidor alertam para as pegadinhas do empréstimo a pessoas que vivem de auxílio do governo federal

Consignado: maior limite traz risco de endividamento

Associações de defesa do consumidor alertam para as armadilhas do crédito consignado. O governo federal autorizou o aumento do limite de empréstimo para brasileiros beneficados por programas sociais. Quem recebe o auxílio brasil já pode comprometer até 40% do benefício e para os beneficiários do BPC, a margem de crédito é de 45%. O empréstimo consignado é uma modalidade com menos juros, mas com desconto automático no salário – aí que está o perigo. Muita gente, além de contrair uma dívida, fica sem dinheiro suficiente mensalmente para arcar com os demais custos da família. É preciso lembrar que quase metade do salário poderá ser usado mensalmente para pagar o financiamento. Para o instituto de defesa do consumidor, o IDEC, o decreto publicado pelo governo federal pode gerar o superendividamento da população, principalmente dos mais pobres. 

Banner Seu Menu (NÃO APAGAR)

banner-seumenu-blitz

manuel-importados